José: exemplo de discipulador – com vídeo

José: exemplo de discipulador

Pr Abe

É muito semelhante os princípios do pai biológico com o pai espiritual.

Pr Ariovaldo Ramos – de todos os servos de Deus que Ele pode usar, José foi o maior de todos eles.

José – o pai adotivo de Jesus

Ele foi alguém com quem Deus pode contar para criar um filho para si e discipular Jesus.

Quando queria separar alguém ele chama Samuel, Rei – Davi, Profetas – Isaias, Jeremias.

 

Deus precisava de alguém para criar seu filho – José foi o único ser humano que Deus o chamou de PAI. Tinha que ser um homem muito especial.

 

Como José criou a Jesus e o discipulou?

 

José tinha plena consciência que estava criando um filho para Deus

Temos que ter a mesma consciência que quando estamos discipulado é para Deus. Não podemos ser possessivos – muitos quando veem “seu” conversando com outro discipulador já fica “bicudo”. Não estou fazendo discípulo para mim ou de mim… estou fazendo para Jesus – eles precisam ser discípulos de Jesus.

 

José sabia que Jesus estava sendo criado para Deus – Ele é o filho preciso de Deus, no qual estamos tendo o privilégio de criar.

 

Jose tornou possível a vocação de Jesus

Mt 1:16-17e Jacó gerou José, marido de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado Cristo.Assim, ao todo houve catorze gerações de Abraão a Davi, catorze de Davi até o exílio na Babilônia e catorze do exílio até o Cristo.

 

O José e sua linhagem era crucial para Jesus cumprir os planos de Deus – Raiz de Jessé –

Maria não era da tribo de Juda, era da tribo de Levi – mesmo que Maria, sem duvida, foi muito agraciada por Deus, mulher muito preciosa, porém, no sentido de cooperar com Jesus no cumprimento das profecias, ela não podia cooperar. A bíblia havia profetiza que o cetro jamais iria se afastar (foi profetizado sobre José). Biologicamente pouquíssimos homens poderiam ser discipuladores de Jesus – teria que ser da 13ª geração, porque Jesus seria 14ª geração para o cumprimento de um ciclo perfeito. Maria teve este grande privilégio, porque ela iria casar com José. José proporcionou a Jesus todas as coisas e a condição de cumprir com sua vocação – ele transferiu sua linhagem, as promessa, a tribo. No mundo espiritual a nossa herança proporciona a vocação do filho.

Só posso dar aquilo que foi gerado em mim.

 

Temos que ter um legado para passar para os nossos discípulos, assim como José teve este legado

 

A nobreza de José fez com que Deus o escolhesse para criar um filho para si

Mt 1:18Foi assim o nascimento de Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava prometida em casamento a José, mas, antes que se unissem, achou-se grávida pelo Espírito Santo.

O Noivado era tão sério que para desfazê-lo era necessário uma carta de divórcio.

 

Mt 1:19Por ser José, seu marido, um homem justo, e não querendo expô-la à desonra pública, pretendia anular o casamento secretamente.

Caso isso acontecesse os sacerdotes poriam apedrejá-la até a morte – isso pode ser um apedrejamento moral.

 

José foi nobre – por a amava. Eu vou assumir que eu sou o pai da criança –

Ele protegeu a vida da Maria e da criança – ele assumiu um apedrejamento moral – porque mesmo antes de casar ela estava grávida.

 

Mt 1:20-25Mas, depois de ter pensado nisso, apareceu-lhe um anjo do Senhor em sonho e disse: “José, filho de Davi, não tema receber Maria como sua esposa, pois o que nela foi gerado procede do Espírito Santo.Ela dará à luz um filho, e você deverá dar-lhe o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”.Tudo isso aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor dissera pelo profeta:”A virgem ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe chamarão Emanuel” que significa “Deus conosco”.Ao acordar, José fez o que o anjo do Senhor lhe tinha ordenado e recebeu Maria como sua esposa.Mas não teve relações com ela enquanto ela não deu à luz um filho. E ele lhe pôs o nome de Jesus.

 

Deste momento em diante, nuca mais o anjo falou com Maria – agora era José –Deus, os anjos – de como criar, proteger o filho…

 

José fez tudo para criar bem Jesus – ele mudou várias vezes para proteger Jesus de Herodes. Essa nobreza…

 

Jo 17:19Em favor deles eu me santifico, para que também eles sejam santificados pela verdade.

 

Jesus vendo as falhas dos seus discípulos, Ele, neste versículo, revela a Lei da Reprodução..

Ap 22:11Continue o injusto a praticar injustiça; continue o imundo na imundícia; continue o justo a praticar justiça; e continue o santo a santificar-se”.

 

O bom discipulador entende que ele tem que ser nobre para reproduzir este caráter na vida do discípulo

Eu tenho que ser o exemplo…

 

Existem igrejas boas que não crescem mais porque existem pecados escondidos – as ovelhas ficam doentes – ovelha que não estão sadias não se reproduzem. Entra ano e sai ano  e continuam com os mesmos pecados.

 

Santificação gera frutificação.

Ovelha sadia sempre dá muita cria

 

99% dos rapazes tem problema com masturbação e os outros 1% são mentirosos.

Tg 5:16Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados[PA1] . A súplica de um justo pode muito na sua atuação.

 

Maio de 99 Visão do MDA

Outubro de 99 – plantação da Visão pelo Pr Abe

 

Trate o pecado drasticamente – Mt 18:9E, se teu olho te fizer tropeçar, arranca-o, e lança-o de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que tendo dois olhos, ser lançado no inferno de fogo.

 

José levou a sério a criação e a educação do seu filho

Dt 6:6-7E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração;e as ensinarás a teus filhos, e delas falarás sentado em tua casa e andando pelo caminho, ao deitar-te e ao levantar-te.

Toda educação que Jesus recebeu foi do seu pai e dos rabinos que seu pai indicava.

 

David Flecher – estudou todas as frases de Jesus – em sua opinião – Jesus era extremamente culto. As frases de Jesus dão conta de que Ele havia lido os melhores textos, falava pelo menos 4 linguas – grego, aramaico, grego e latim

 

Relacionamento com Deus…

 

José acima de tudo, ajudou Jesus, seu discípulo (filho), a ter seu relacionamento com o PAI

José ensinou Jesus orar, a cultivar relacionamento com Deus, José teve que falar – filho eu só sou seu pai biológico – mas seu pai verdadeiro é Deus.

 

José não era um discipulador dominador – quando Jesus sumiu José não ficou tão preocupado…

 

Discipulado não é governar a vida dou outro, é servir.

O conceito Neo testamentário de discipulado – servir uns aos outros.

O aspecto mais importante do discipulado – ajudar o seu discípulo a ter um relacionamento profundo com Deus.

 

O Segredo dos segredos –

Revelação do Seu amor por nós  – tenho que ajudar o meu discípulo a entender esta revelação.

Rm.8

15 Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados[PA2] , mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai. 16 O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus. 17 Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo; se com ele sofremos, também com ele seremos glorificados.[1]

 

Lei das 12 Tábuas- lei de Roma. Virou moda no império Romano o pai não confiar no filho biológico por causa desta lei – havia muito aborto, morte. O relacionamento entre os pais e os filhos eram horríveis. É neste contexto que Paulo estava escrevendo. Uma vez filho adotivo, pra sempre filho. O filho biológico deveria ser desertado – no Getsemani – Jesus fala Aba Pai – na cultura Romana – Deus desertou o filho biológico para nos adotar como filhos – expressão para cultura romana –

 

 

E Jesus quando ressuscita ele herda um nome acima de todos os nomes

 

José discipulou Jesus, desfilou com Jesus, apresentou-o a sociedade e o vinculou a si

Lc 4:22E todos lhe davam testemunho, e se admiravam das palavras de graça que saíam da sua boca; e diziam: Este não é filho de José?

Quanto mais Jesus se sobressaia, mais José era admirado

 

Jo 1:45Felipe achou a Natanael, e disse-lhe: Acabamos de achar aquele de quem escreveram Moisés na lei, e os profetas: Jesus de Nazaré, filho de José.

 

Yoshua Bem Yousef

 

José foi um servo de Sonhos sagrados

José entendia desde o começo que ele estava preparando Jesus para sua missão

José teve alegria em ficar no anonimato, para que os Sonhos de Deus se realize na vida do discípulo. Este é o ponto alto.

 

O discipulador deve investir nos sonhos do seu discípulo.

Eu existo por uma razão somente – pra ajudar meu discípulo a alcançar os Sonhos de Deus para sua vida.

 

Quem tem pai pode sonhar – por isso eu tenho pai (Pr. Odilon)

(Vídeo do Rick)

 

3Km e 800 mts. Nadando

180 km de bicicleta

42 Km correndo.

 

Quando estou correndo com o meu pai me sinto como não tendo deficiência física.

Foi perguntado a ele, Rick se você fosse curado fisicamente, o que você faria – Rick respondeu:  colocaria meu pai na minha cadeira e o levaria….. temos que investir

Já competiram mais de 200 vezes,

Nunca chegaram por ultimo

E na maratona chegou 15’ depois do 1º colocado.

 

Que possamos investir na vida dos nossos filhos.


[1]Sociedade Bíblica do Brasil. 2003; 2005. Almeida Revista e Atualizada – Com Números de Strong . Sociedade Bíblica do Brasil


 [PA1]ιαομαιiaomai

voz média de um verbo aparentemente primário; TDNT – 3:194,344; v

1) curar, sarar

2) tornar perfeito

2a) livrar de erros e pecados, levar alguém à salvação

 [PA2]5401 φοβοςphobos

da palavra primária phebomai (amedrontar); TDNT – 9:189,1272; n m

1)medo, temor, terror

1a) aquilo que espalha medo

2) reverência ao próprio marido

 

3 comentários sobre “José: exemplo de discipulador – com vídeo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s