Pastor Adilson – Conselho de pastores de Londrina – 05-05-09

Marcos 1.10-13 “E aconteceu, naqueles dias, que Jesus, tendo ido de Nazaré, da Galiléia, foi batizado por João, no rio Jordão. 10 E, logo que saiu da água, viu os céus abertos e o Espírito, que, como pomba, descia sobre ele. 11 E ouviu-se uma voz dos céus, que dizia: Tu és o meu Filho amado, em quem me comprazo. 12 E logo o Espírito o impeliu para o deserto. 13 E ali esteve no deserto quarenta dias, tentado por Satanás. E vivia entre as feras, e os anjos o serviam”.

 Há no texto uma metáfora com relação ao trabalho pastoral.
 Todos nós enfrentamos lutas infindáveis no nosso ministério.
 Mesmo com tudo isso, temos paixão pelo ministério. Deus nos honra.

I – O Senhor honra as suas testemunhas.

João 1.15 “ João testificou dele e clamou, dizendo: Este era aquele de quem eu dizia: o que vem depois de mim é antes de mim, porque foi primeiro do que eu. 16 E todos nós recebemos também da sua plenitude, com graça sobre graça.

 Os pastores recebem muitas críticas.
 O próprio João Batista foi criticado.
 Jesus honrou a João, dizendo-lhe que podia batizá-lo.
 O Senhor nos honra diante das autoridades.
 Até o próprio Jesus foi levado ao deserto, porque não nós?
 Jesus enfrentou tudo no deserto pra nos revelar que somos mais que vitoriosos.
 Você vê os céus rasgados, mas em seguida enfrenta as feras no deserto.

Fera: Ela tira a nossa alegria.

 Tem pastor enfrentando lutas e até pensam em parar por causa das “feras”.
 Fera amedronta a gente.
 Fera paralisa a caminhada da gente.
 Fera nos faz mudar de direção. Tenta todas as estratégias em sua igreja mas nada frutifica.
 Tem gente que vai mudando de acordo com o que lê.
 Tem uma visão específica pra cada pastor. É só ser fiel no chamado que Deus vai abençoar
 As feras nos machucam e nos ferem. Quando aparece o sintoma, está praticamente na “UTI”.
 As feras roubam o amor pelas vidas. Ficamos remoendo. É preciso reagir.
 É preciso dizer: eu vou vencer!
 Pra vencer precisamos tomas decisões conscientes. Agir e ragir.

1. Relembre o teu chamado.
a. Quantas pessoas oraram por você.

1ª Samuel 17.40 “E tomou o seu cajado na mão, e escolheu para si cinco seixos do ribeiro, e pô-los no alforje de pastor, que trazia, a saber, no surrão; e lançou mão da sua funda e foi-se chegando ao filisteu.

2. Acredite em você.

Davi pegou 5 pedras. Por quê? Se eu errar a 1ª, jogo a segunda. Davi estava dizendo com isso: Eu não vou desistir. A única certeza que ele tinha era de que o gigante cairia.

3. Trace planos para uma vida melhor.

a. Tenha tempo com Deus.
b. Tenha tempo com a família.
c. Tenha tempo pra você.

4. Tenha bons relacionamentos.

Frase:

“Quem falou que nós deveríamos estar satisfeitos na igreja? Quem tem que estar satisfeito é Deus com o nosso louvor”.

 O texto termina com anjos de Deus servindo a Jesus.
 Nós oramos pedindo ao Senhor pra mandar o seu exército. Parece que Deus está quase perdendo…
 Deus não perde nunca. Pode ter uma porção de feras, mas se tiver um só anjo, já somos vencedores.
 Já pensou o que seria de José sem o poço? o que seria de Daniel sem os leões?
 As dificuldades forjam os bons obreiros de Deus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s