O privilégio de orar

“Ao que ele lhes disse: Quando orardes, dizei: Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu reino;” Lucas 11:2
“Quando orardes…” (Lucas 11:2)

O Mestre deu aos discípulos o modelo para uma oração eficaz, e convém que todos nós sigamos esse padrão. Não quis Ele que repetíssemos sempre as mesmas palavras, nem Ele o fez. Apenas, deixou um padrão em que foram estabelecidas as várias partes de uma oração agradável a Deus.

Mesmo sendo o Filho unigênito do seu Pai “Deus-homem” imaculado Jesus orava. A Bíblia registra que Ele orou no seu batismo (Lucas 3:21 ), nos desertos (Lucas 5:16); passou a noite no monte, em oração a Deus (Lucas 6:12); orou à parte (Lucas 9:18); e orou no monte da transfiguração (Lucas 9:29). Foi nesta última experiência de Jesus que os seus amigos mais íntimos – Pedro, Tiago e João – quiseram permanecer nessa comunhão tão celestial. É assim mesmo quando a comunhão com Jesus Cristo está livre de todo e qualquer empecilho.
O Mestre reconhece a necessidade de oração junto com outros irmãos tanto quanto a premência da oração particular. Por isso, é muito importante o culto de oração em nossas igrejas. Os cultos públicos são ocasiões quando os irmãos podem compartilhar suas alegrias e tristezas, seus problemas e vitórias. Vez por outra, o ambiente torna-se tão propício à atuação do Espírito Santo que ninguém quer deixar o lugar. É uma comunhão com Deus, sentida por todos os participantes.
Há muitas razões para darmos graças a Deus pelo privilégio da oração. Elevemos ao Pai celestial orações de reconhecimento, como estas:
● Graças a Deus pela salvação que recebemos de graça, por mediação de nosso Senhor Jesus Cristo.
● Graças a Deus pelo privilégio que gozamos de conversar livremente com Ele e esperar respostas às nossas petições.
● Graças a Deus porque todas as nossas necessidades são supridas.
● Graças a Deus pelos benditos laços de amor que nos unem aos nossos irmãos em Cristo.
● Graças a Deus pelo privilégio que nos é dado de sermos instrumentos para a evangelização do Brasil e do mundo.

Um comentário sobre “O privilégio de orar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s